sexta-feira, 1 março, 2024

[19-ABR] Fórum de Hip Hop da Baixada Fluminense: Reunião para formação do grupo de trabalho

Dia 19 de abril acontecerá no Espaço Enraizados a primeira reunião para formação do grupo de trabalho que produzirá o Fórum de Hip Hop da Baixada Fluminesne, que tem como objetivo discutir a prática do hip hop na região formada por 13 municípios, com cerca de 4 milhões de habitantes.

A ideia é formar em um grupo para produzir o evento, o GT, e a partir daí pensar nas atividades e pontos importantes e relevantes para a cultura hip hop na Região.

Os objetivos do Fórum de Hip Hop da Baixada Fluminense são inicialmente:
a) organizar uma agenda com todos os eventos que acontecem na região e criar um circuito de hip hop nos treze municípios;
b) desenvolver e apresentar propostas relacionadas a políticas públicas para a juventude aos governos municipais, estaduais e federais;
c) exigir que todas as cidades da Baixada Fluminense reconheçam a semana do hip hop como Lei, assim como Mesquita e Duque de Caxias.

Obs: Toda e qualquer pessoa que faz parte da cultura hip hop da região (artistas, produtores e empreendedores) pode e deve participar da produção do Fórum.

O encontro acontecerá entre às 16 e 18 horas, antes da Banca de FreeStyle Enraizados.

Confirme Presença no evento no FACEBOOK

SERVIÇO:
Fórum de Hip Hop da Baixada Fluminense: Formação do GT
Dia 19 de abril, às 16 horas, no Espaço Enraizados
Rua Thomaz Fonseca, 508
Morro Agudo, Nova Iguaçu, RJ
+Infos: (21)9.6563-0554

Sobre Dudu de Morro Agudo

Rapper, educador popular, produtor cultural, escritor, mestre e doutorando em Educação (UFF). Dudu de Morro Agudo lançou os discos "Rolo Compressor" (2010) e "O Dever Me Chama" (2018); é autor do livro "Enraizados: Os Híbridos Glocais"; Diretor dos documentários "Mães do Hip Hop" (2010) e "O Custo da Oportunidade" (2017). Atualmente atua como diretor geral do Instituto Enraizados; CEO da Hulle Brasil; coordenador do Curso Popular Enraizados.

Além disso, veja

O conflito de gerações no rap brasileiro: Uma análise das críticas e desafios

Para onde o rap brasileiro está caminhando? Essa é a pergunta que venho me fazendo …

Deixe um comentário