O APALPE – A Palavra da Periferia

O APALPE – A Palavra da Periferia é um projeto que realizará experimentações estéticas a partir do uso da palavra. Literatura, vídeo, artes plásticas, fotografia, são algumas linguagens presentes
no processo de oficinas, que tem como objetivo promover o encorajamento estético dos participantes, de modo que a memória individual e coletiva, possa se transformar em expressão.

A oficina é inteiramente gratuita e acontecerá aos sábados a partir do dia 10 de julho. São 10 encontros que acontecerão no IBAM (Humaitá) durante todo o dia. Ao final da oficina será realizado um grande evento para exposição de trabalhos e/ou processos.

Para participar da oficina é necessário fazer a inscrição através deste e mail, apalpe2010@gmail.com, ou pelo tel: 2507 2909. Feita a inscrição você deverá participar de um processo seletivo, que acontecerá no dia 03 de julho às 10h da manhã na Praça XI.

Caso queira se inscrever por e mail a ficha segue em anexo. Você deverá preencher todos os campos e reenviar para nós. Você receberá uma confirmação da inscrição e maiores detalhes sobre o processo seletivo.

Por José Carlos de Alcantara
josecarlospeu@ig.com.br

Sobre Instituto Enraizados

O Instituto Enraizados é uma organização de hip hop, nossa "rede" integra hoje 17 organizações que compartilham conhecimento, capacitação e articulação para militância cultural nas periferias dos grandes centros. Lutamos pelo acesso a produção, a expressão e a valorização das diferentes manifestações culturais, fortalecendo o ativismo cultural e o protagonismo juvenil. O hip hop, o audiovisual, as rádios comunitárias e a produção de mídias são elementos que formam e fortalecem a ajuda mútua dos jovens envolvidos.

Além disso, veja

DJ Dorgo

DJ Dorgo se apresentará domingo (10), ao lado de grandes nomes do rap, em prol das vítimas das enchentes da Baixada Fluminense

Na última sexta-feria (01) uma tempestade colocou toda a Baixada Fluminense em estado de alerta, …

01 comentário

  1. ana paula costad de araujo

    quero participar do projeto apalpe

Deixe um comentário