segunda-feira, 29 maio, 2017
Inicio >> Principal >> Entrevistas >> Alexandre de Maio prepara o livro ‘Je Suis Rio’, contando a criação do Sarau Poetas Compulsivos

Alexandre de Maio prepara o livro ‘Je Suis Rio’, contando a criação do Sarau Poetas Compulsivos

Alexandre de Maio é muito conhecido e respeitado dentro e fora do mundo hip hop por ter sido o idealizador da primeira revista de hip hop do Brasil, a Revista Rap Brasil, que publicou mais de 180 títulos distribuídos em mais de 2 milhões de exemplares, em cerca de 10 anos. Por conta deste trabalho tem uma forte influência na cultura hip hop e conexão com seus principais artistas.

Alexandre de Maio
Alexandre de Maio

Nos últimos anos trabalhou em importantes publicações como a “Revista Raça” e a o jornal “Folha de São Paulo”, e se destacou nacionalmente como “Jornalista em Quadrinhos”, sendo indicado a diversos prêmios e ganhado o Prêmio Tim Lopes de Jornalismo Investigativo (ANDI) produzindo a matéria “Meninas em Jogo”, sobre a exploração sexual infantil, em Fortaleza, para o site Agência Pública. Atualmente, entre outras atribuições, é responsável pela parte tecnológica do Portal Catraca Livre.

A parceria com o rapper Dudu de Morro Agudo ultrapassa uma década. Alexandre foi o responsável pela identidade visual do primeiro disco do rapper, intitulado Rolo Compressor, além de ter registrado a evolução do Movimento Enraizados (hoje Instituto Enraizados) através de matérias na revista Rap Brasil e alguns artigos na Revista Raça. No ano de 2010, se deslocava semanalmente de São Paulo para o Rio de Janeiro para ministrar um curso de videorreportagem para jovens do Movimento Enraizados, em Morro Agudo.

Agora Alexandre de Maio resolveu transformar parte da história do rapper em quadrinhos – a partir da criação do Sarau Poetas Compulsivos – que será publicado no livro “Je suis Rio” com lançamento previsto para este ano, na França.

Confira a entrevista exclusiva com Alexandre de Maio

Como surgiu o convite para fazer o livro ‘Je suis Rio’?
Alexandre de Maio
Eu lancei a tradução do meu livro em quadrinhos Desterro pela mesmo editora o ano passado, e conhecendo minha ligação com a história dos Saraus, surgiu o convite. 

Quem convidou?
Alexandre de Maio – O convite veio por indicação do Ferréz e foi feito pela editora a Paula Salnot.

20160227-02-alexandredemaio

Faz parte de um projeto maior ou é uma edição única?
Alexandre de MaioEles já lançaram a um tempo atrás o “Je suis Favela” e agora veio a ideia do “Je suis Rio” e a editora Anacaona é especializada em publicar literatura marginal brasileira na França, já publicou Paulo Lins, Ferréz e Marcelino Freire.

Porque você decidiu conectar o surgimento dos saraus com segurança pública no Rio de Janeiro?
Alexandre de Maio Como acompanhei esse aumento de violência na Baixada, eu já estava querendo fazer essa pauta faz tempo, quando veio o convite para falar sobre os saraus, acabei pensando em mostrar a criação de um sarau, aí pensei que o Poetas Compulsivos, pois era o sarau mais novo que vi nascer, mas propus fazer uma pauta separada sobre a violência. Mas aí olhando para a pauta vi que o sarau nascendo na Baixada dava para conectar as duas pautas e tinha muito a ver.

20160227-01-alexandredemaio

Porque Dudu de Morro Agudo como personagem principal?
Alexandre de Maio – Porque ele era essa ponte entre todos esses assuntos. Nascimento do movimento dos saraus, criação de um novo sarau, violência na Baixada e ainda tinha uma conexão com a França, já que o livro só vai ser lançado em Francês.

O lançamento do livro será na França. Haverá uma versão em português?
Alexandre de Maio – Ainda não.

SAIBA MAIS SOBRE ALEXANDRE DE MAIO
Site: www.alexandredemaio.com.br
Facebook: www.facebook.com/DeMaioHQ
Instagram: www.instagram.com/alexandredemaio

Sobre Hulle Brasil

Hulle Brasil é uma startap que potencializa artistas e trabalha com base em três pilares: TERRITÓRIO, ETNIA & GÊNERO. Aqui no Portal Enraizados, nossa equipe gera conteúdo a partir destes pilares.

Deixe um comentário

Paste your AdWords Remarketing code here