Escritora Jéssica Balbino

Literatura Marginal é destaque no Festival Literário de Poços

A Escritora Jéssica Balbino participam de palestras durante a programação da Flipoços ao lado de Ferréz e Sérgio Vaz e

Poços de Caldas, MG, 07/04/10- O retrato fiel da realidade periférica. Assim são as obras de Ferréz e da nova geração de escritores brasileiros. Ele foi um dos primeiros a esmurrar a porta do barraco da literatura do país e gritar para o mundo o que acontece do outro lado da ponte do Capão Redondo, zona sul de São Paulo. Com mais de 50 mil exemplares vendidos, o homem que começou a escrever aos sete anos e até hoje não consegue se sustentar com a própria literatura, vem a Poços contar um pouco da carreira, que passou por balcões, arquivos e trabalhos como o de auxiliar-geral.

Ele sobe ao palco do Espaço Cultural da Urca pela programação da V Feira Nacional do Livro e IV Festival Literário de Poços de Caldas (Flipoços) organizada pela GSC Eventos com a questão: Literatura Periférica ou Marginal?, no próximo dia 27 de abril.
Como o próprio currículo diz, Ferréz tem prosa ágil e seca, composta com doses igualmente fortes de revolta, perplexidade e esperança. Ele reivindica voz própria e dignidade para os habitantes das periferias das grandes cidades brasileiras.

Fonte: Blog Cultura Marginal
Leia a matéria na integra: http://jessicabalbino.blogspot.com/2010/04/novidade.html

Sobre Dudu de Morro Agudo

Rapper, escritor e empreendedor social. Um perito em transformar sonhos em realidade.

Além disso, veja

Passistas Dancy, de Minas Gerais, lançam clipe da música ‘Vamos Dançar’

Na semana passada estive em São Paulo para uma formação do Sebrae com o British …

Deixe um comentário

Paste your AdWords Remarketing code here