Marco Archer foi executado no sábado na Indonésia

Até aí, digamos que ele sabia do risco, correu ele e pagou por isso pelas leis locais, ou seja, a soberania da Indonésia.

Mas por favor, que soberania é essa que um terrorista culpado de atentados é condenado à 8 anos e um “traficante” à morte ?
Uns dizem que não era de hoje que ele tinha envolvimento com drogas, não foi um caso isolado. Que seja….

20150120-02-buzoNão matou ninguém, não estuprou ninguém. Não venho aqui defender bandido como uns podem dizer, nem deixar de dizer que nenhuma pessoa em sã consciência é no mínimo maluca de arriscar levar droga pra um país que sabe-se pune com pena de morte. Mas é justo?

Se fosse deportado e punido no Brasil, estaria de bom tamanho pro crime. Não acho tráfico de drogas um crime leve, mas morrer por um erro é sim uma pena muito pesada.

Não só pela morte, mas pelos mais de 10 anos no corredor da morte, imagina o estrago psicológico na cabeça de um condenado, que voava de asa delta na cidade maravilhosa e passa mais de uma década sabendo que vai morrer.

Imagina quando é anunciado a data, os últimos dias…

Acho que ninguém, além de Deus, tem o direito a tirar a vida de ninguém, parto desse principio. Tenho pena de pessoas nas ruas e redes sociais dizendo que lá tem lei. Não só nesse caso não acho a lei da Indonésia justa, como se pesquisarmos, veremos que existem vários outros absurdos.

Meus sentimentos à família e aos amigos do Marco Archer, que Deus possa confortar.

PENA DE MORTE, sou contra.

Sobre Alessandro Buzo

Alessandro Buzo tem 42 anos, nascido e criado no Itaim Paulista, extremo da zona leste de São Paulo. Vida comum de periférico, trabalhando pra sobreviver desde os 13 anos de idade. No ano de 2000, lançou independente o livro , O TREM - BASEADO EM FATOS REAIS. (500 exemplares) A partir daí mudou sua trajetória........ Hoje, Alessandro Buzo é..... Autor de 11 livros, entre eles Guerreira, Hip Hop - Dentro do Movimento.... Lançou em 2014 .... Favela Toma Conta 2 - A Literatura e o Hip Hop Tranformaram Minha Vida. Organizador de 7 coletâneas literárias, 5 vol. do Pelas Periferias do Brasil e 2 Vol. do Poetas do Sarau Suburbano. Diretor (junto com Toni Nogueira) do filme Profissão MC (ficção, 2009, 52 min), disponível no YOUTUBE , traz no elenco Criolo Doido, Da Antiga, Dj Dan Dan, Rappin Hood e grande elenco. Fez o quadro Buzão - Circular Periférico por 3 anos no Programa Manos e Minas da TV Cultura. De setembro de 2011 à setembro de 2014, apresentou o quadro SP CULTURA no Jornal SPTV 1a edição da Rede Globo, quadro semanal com a cultura da periferia. Pai do Evandro Borges (14 anos) e casado a 16 anos com Marilda Borges que além de esposa é minha produtora e fotografa. Organiza a coletânea literária "Pelas Periferias do Brasil", já foram 4 volumes. Apresenta o quadro "Buzão - Circular Periferico", no Programa Manos e Minas da TV Cultura. É proprietário da "Livraria Suburbano Convicto" no Bixiga em SP (Rua 13 de Maio, 70 - 2o and), única do país, especializada em Literatura Marginal. Diretor (junto com Toni Nogueira) do filme "Profissão MC" (ficção, 52 min). Ganhou 2 vezes o Prêmio Hutúz (2007 e 2008) na categoria "Ciência e Conhecimento". A partir de agosto, inaugurou o "Espaço Suburbano Convicto" no Itaim Paulista (Extremo Leste de SP), com Biblioteca, Sarau, cinema e 6 oficinas culturais. No mesmo bairro, idealiza e realiza desde 2004 o tradicional evento de Hip Hop "Favela Toma Conta", que sempre foi gratuíto em suas 22 edições já realizadas, apresenta ainda os eventos "Suburbano no Centro", "Encontro com o Autor" e "Suburbano em Debate". Atualiza diversos BLOG´s e todos podem ser acessados via site: www.buzo.com.br Além disso é palmeirense e sempre será um "Suburbano Convicto"

Além disso, veja

Falta de respeito e calote

Em nome de uma amizade tomei um calote de R$1.200,00 da prefeitura de Poá-SP, mas esse foi o último da minha vida.

Deixe um comentário

Paste your AdWords Remarketing code here