terça-feira, 28 maio, 2024

Teia Baixada 2010

Estava sem palavras para definir como foi TEIA BAIXADA 2010, então resolvi selecionar algumas fotografias e fazer um vídeo da participação do Movimento Enraizados neste evento de troca de saberes. Me senti um velho griot ensinando aos mais jovens que estavam no SESC querendo conhecer um pouco do hip hop, dessa cultura que pratico a mais de 15 anos ininterruptos. Minhas crianças que fazem parte do Enraizadinhos, arrebentaram a boca do balão – como dizem os mais coroas – e eu estava lá para trocar energia com eles, aprender e ensinar.

A TEIA BAIXADA foi um sucesso absoluto na minha humilde opinião, pois sei da dificuldade que é fazer um evento deste tamanho dependendo sempre da colaboração de outros. Curta as fotos e os vídeos e não esqueça de deixar seu comentário, pois é muito importante para mim.

GALERIA

Sobre Dudu de Morro Agudo

Rapper, educador popular, produtor cultural, escritor, mestre e doutorando em Educação (UFF). Dudu de Morro Agudo lançou os discos "Rolo Compressor" (2010) e "O Dever Me Chama" (2018); é autor do livro "Enraizados: Os Híbridos Glocais"; Diretor dos documentários "Mães do Hip Hop" (2010) e "O Custo da Oportunidade" (2017). Atualmente atua como diretor geral do Instituto Enraizados; CEO da Hulle Brasil; coordenador do Curso Popular Enraizados.

Além disso, veja

O papel da educação clandestina na formação Política

Este texto reflete sobre o conceito de "Educação Clandestina", destacando sua abordagem contrária ao ensino formal. Explora as lacunas do sistema educacional brasileiro, particularmente em relação à alfabetização e ao letramento nas escolas periféricas. Descreve como movimentos sociais reúnem conhecimentos diversos, ausentes das instituições formais, promovendo uma troca que desafia o status quo. Aponta a importância da conscientização política e da ação crítica na transformação da realidade. Destaca a educação clandestina como um processo contínuo de formação política, capaz de despertar indivíduos para a realidade e capacitá-los a questionar, refletir e agir em prol da mudança social.

17 comentários

  1. Sempre na luta levantando poeira e espantando a canseira,mas fomos e mandamos bonito,isso vamo que vamo.

  2. Samuca e suas poesias rsrs Como ele mesmo já disse em outro comentário, o evento ferveu o lóbulo frontal das pessoas presentes.

    #CulturaNaBaixada

    Humildemente,

    @PetterMC

  3. Ficou ótima a matéria!!! A vídeo reportagem então nem se fala!!! É o Movimento Enraizados botando a chapa pra ferver!!!

  4. Eu não sei o porque que aparece uma carinha de zangada quando escrevo no site do Enraizados… aff :p

  5. Realmente o evento ficou phodão, adorei fazer videorreportagem e vou fazer mais hoje e amanhã jogo no portal.
    Re.Fem, essa carinha de zangada não tem nada a ver com você, pois vc é a pessoa mais feliz que conheço.
    Cria uma conta no wordpress que isso acaba.
    Bjão

  6. Putz, a foto do Peter ficou phodassa, parabéns pra equipe, estamos nos superando cada vez mais.

  7. Show de bola… Queria estar lá.

    Abraço para todos.

  8. Pow Galeera Vc’s sempre mandaando bem!!
    É isso aíí seempre tocando o Phoda-se na baixadaa!!!!
    Parabéns !

  9. Mais um pouco e viramos uma sucursal de mídia atirando para todos os lados, sempre honestos na vanguarda.É tudo nosso.

  10. Show de bola, Dudu.
    Se a intenção era passar o clima de como foi a parada, acertou em cheio.
    tu leva jeito pra essa parada de videorreportagem, hein 🙂

    abraço pra geral aí,
    heraldo hb

  11. Parabéns a toda equipe Enraizados presente no evento!!!! O vídeo ficou mt mt mt mt mt booommm, mas eu quero na íntegra… Meu filhote cantando!!!! Rsrsrsrsrsrs

  12. É isso aí família, parabéns à toda a banca do enraizados. e aos organizadores da Teia, são eventos desse porte, que vão colocar a Baixada em Evidência, e mostrar que aqui tem muita produção cultural de qualidade!

  13. Pode crer Dudu, a minha foto ficou foda de mais.

    Parabéns ao fotógrafo!!

    PAZ

  14. esses muleque esta fazendo suseso

  15. Nossa! Como o vídeo ficou show, fico feliz em sabe que no hip-hop existe pessoas como você Dudu, que faz a diferença, visualizados os conhecimentos dos jovens e adultos, que começam a conhecer e reenvidicar seus direitos e valorizar.

    Parabéns!!!

Deixe um comentário