segunda-feira, 15 abril, 2024

Encontros Poéticos com Edi Rock @ 10 de setembro [SP]

A sétima edição do Encontros Poéticos, programa veiculado na web-rádio do Itaú Cultural e apresentado pelo poeta Sérgio Vaz, ocorre no dia 10 de setembro, às 20h, ao vivo, com o rapper e compositor Edi Rock.

Encontros Poéticos tem uma hora de duração e também é aberto ao público [ocorre no auditório do Itaú Cultural]. O programa procura valorizar a palavra e a poesia, em conversas com poetas, escritores, músicos, atores, jornalistas e artistas em geral.

O apresentador Sérgio Vaz é autor dos livros Colecionador de Pedras e Antropofagia Periférica. Edi Rock é fundador do grupo de rap mais importante do Brasil, o Racionais MC’s. Seu novo álbum conta com a participação de artistas de diversos gêneros musicais, como Emicida, Flora Matos, Seu Jorge e Falcão (O Rappa).

Para saber mais, confira a matéria aqui.

Encontros Poéticos com Edi Rock
terça 10 de setembro de 2013
às 20h
Sala Itaú Cultural – 192 lugares

[transmissão ao vivo, em áudio, pelo itaucultural.org.br]

Entrada franca – ingressos distribuídos com meia hora de antecedência
[indicado para maiores de 12 anos]

Sobre Instituto Enraizados

O Instituto Enraizados é uma organização de hip hop, nossa "rede" integra hoje 17 organizações que compartilham conhecimento, capacitação e articulação para militância cultural nas periferias dos grandes centros. Lutamos pelo acesso a produção, a expressão e a valorização das diferentes manifestações culturais, fortalecendo o ativismo cultural e o protagonismo juvenil. O hip hop, o audiovisual, as rádios comunitárias e a produção de mídias são elementos que formam e fortalecem a ajuda mútua dos jovens envolvidos.

Além disso, veja

De Jay-Z a Palmares: As histórias por trás do “Galo de Luta”

Paulo Roberto da Silva Lima, conhecido como "Galo de Luta", compartilha sua jornada desde a infância até se tornar um ativista e artista de rap. Inicialmente apelidado de "Sete Galo" devido à famosa moto CBX 750, sua vida foi marcada por desafios e confrontos com a realidade da periferia. Inspirado por figuras como Mano Brown e Malcolm X, Paulo encontrou no rap e na leitura uma maneira de expressar suas ideias e buscar uma transformação pessoal e social. Apesar das dificuldades, sua busca por identidade e consciência o levou a se tornar o "Galo de Luta", um símbolo de resistência e luta por justiça social.

Deixe um comentário