Enraizados se prepara para ser o principal equipamento de cultura da Baixada Fluminense

Situado no coração de Morro Agudo, importante bairro da cidade de Nova Iguaçu, o Espaço Enraizados, sede do Instituto Enraizados, é um espaço cultural que recebe jovens de diversas partes do mundo para residências e formações artísticas e cidadãs.

O Instituto Enraizados, instituição com 19 anos de existência, se mantém no posto de uma das principais organizações de hip hop do país, tendo reconhecimento dos poderes municipal, estadual e federal, além de colecionar uma série de prêmios internacionais.

Atualmente, sob a presidência de Samuca Azevedo e coordenação executiva de Dudu de Morro Agudo, o instituto tem realizado uma série de parcerias importantes com empresas como a Nextel e a GloboSat, além de se destacar no campo da arte educação, com trabalhos desenvolvidos com a Prefeitura de Cachoeiro de Itapemirim e com o Governo de Mato Grosso do Sul.

No final de 2018, a partir de uma parceria com o arquiteto Rodrigo Azevedo, começaram a pensar em uma forma de potencializar o Espaço Enraizados afim de torná-lo, além de um dos principais equipamentos culturais da região, um centro cultural sustentável, preservando o meio-ambiente utilizando técnicas ecológicas e sustentáveis.

Com aproximadamente 450m², o espaço é dedicado à práticas artísticas e de formação, além de incentivar o desenvolvimento da comunidade local. Abrigará biblioteca, estúdio, espaço para shows, salões multiuso, sala de exposições, espaço de coworking, dormitório e uma enorme “área comum” para uso da população.

O espaço terá geração de energia solar, lâmpadas LED e sensores de presença para reduzir o consumo de energia, reuso da água da chuva para utilização nas descargas dos vasos sanitários e para regar as plantas e a horta vertical.

Dudu de Morro Agudo, com Rodrigo Azevedo e a turma de arquitetura da Universiadde Estácio de Sá.
Dudu de Morro Agudo, com Rodrigo Azevedo e a turma de arquitetura da Universiadde Estácio de Sá.

No dia 26 de março, Samuca Azevedo e Dudu de Morro Agudo estiveram na Cabriola, espaço cultural situado na Glória, para acompanharem a apresentação do projeto, assinado pela turma de arquitetura da Universidade Estácio de Sá, integrantes do “Observatório da Cidade”, daquilo que será o Novo Espaço Enraizados.

Dudu de Morro Agudo afirma que o ideal seria conseguir recurso para realizar toda a obra de uma vez, contudo ele entende como uma estratégia do projeto a possibilidade de desenvolvê-lo por módulos, então agora sua missão é buscar parcerias para começar esse processo de construção.

O Espaço Enraizados, quando pronto, formará 220 novos jovens artistas por ano, além de receber um público de 30 mil pessoas por ano.

Sobre Hulle Brasil

Hulle Brasil é uma startap que potencializa artistas e trabalha com base em três pilares: TERRITÓRIO, ETNIA & GÊNERO. Aqui no Portal Enraizados, nossa equipe gera conteúdo a partir destes pilares.

Além disso, veja

“Batidas & Rimas” é a tática da juventude na resistência contra a violência na cidade de Queimados

O evento acontecerá na próxima sexta(16), na Praça Dona Branca, conhecida com Praça do Taz, …

Deixe um comentário

Paste your AdWords Remarketing code here