GRATUITO: ‘Festival de Audiovisual Negritude, Direito à Memória e Direitos Humanos’ neste sábado, no Espaço Enraizados, em Morro Agudo.

O Espaço Enraizados, sede do Instituto Enraizados, em Morro Agudo, será palco da primeira edição do “Festival de Audiovisual Negritude, Direito à Memória e Direitos Humanos”, neste sábado, 22 de junho.

O evento exibirá os filmes Poesia Segunda Pele (de Cineclube Xuxu com Xis), 111+ (do coletivo 111), Pipa (de Bruno Alarcon), Clandestyna (de Duca Caldeira), Ayê (de Flop), Reexistências: histórias de vida da Baixada Fluminense (de Natália, Sara e Ssarah), e fará exposição das fotografias Ação Solidária em Jardim Gramacho, de Jefferson Luz, e Identidade e Menino Sonhador, de Isabella Tavares.

O objetivo dessa iniciativa é, além de fortalecer produções do território da Baixada Fluminense e evidenciar a questão racial, criar mais uma ferramenta de enfrentamento ao racismo e a garantia dos direitos humanos no âmbito da segurança pública, através do audiovisual e fotografia, selecionando e exibindo curtas-metragens e expondo fotografias em sua galeria.

O evento começa às 14 horas e é gratuito.

Saiba mais:

https://web.facebook.com/events/431036790787323
ESPAÇO ENRAIZADOS – Rua Presdiente Kennedy, 41, Morro Agudo. Próximo ao banco Santander.

Sobre Hulle Brasil

Hulle Brasil é uma startap que potencializa artistas e trabalha com base em três pilares: TERRITÓRIO, ETNIA & GÊNERO. Aqui no Portal Enraizados, nossa equipe gera conteúdo a partir destes pilares.

Além disso, veja

DIA MUNDIAL DO HIP HOP: Enraizados oferecerá oficinas gratuitas

Todos sabem, ou pelo menos deveriam saber, que no mês de novembro comemora-se a ‘consciência …

Deixe um comentário

Paste your AdWords Remarketing code here