Rapper Preto Will é vítima de racismo no Metrô Campo Limpo

Rapper é vítima de racismo em estação de metrô.

Na última terça-feira (25), o rapper, poeta e militante da Cooperifa, Preto Will, integrante do grupo Versão Popular, foi vítima do racismo, em pleno na estação de metrô Campo Limpo.

De acordo com a publicação no blog do poeta Sérgio Vaz, ao chegar no metrô, o rapper foi vítima de olhares preconceituosos e perguntou se havia algum problema com ele, e foi respondido com algumas palavras.
Em seguida, subindo na rampa para entrar no trem, foi abrodado pelo segurança, que estava acompanhado de um colega de trabalho, o pegaram pela gravata, arrastaram pelo braço enquanto diziam: “Sai fora, negão, se quiser vai de busão.”

O rapper foi levado pela PM para o Hospital Campo Limpo, onde foi constado que ele somente havia sofrido uma luxação, foi medicado e colocaram uma tala, e recebeu um atestado médico de 5 dias, nota-se que o houve certa negligência por parte do Hospital.

Sérgio e Preto Will partiram rumo a 37ª delegacia que fica na região, e afirmou em seu blog: “Vamos ficar na pressão, racismo é intolerável. […] A Periferia nos une pela cor, pela dor e pelo amor.”

Movimentação na rede.
O caso não está sendo repercutido na grande mídia, mas portais de Hip-Hop e Movimento negro estão apoiando e fortalecendo com publicações e divulgando a hastag #RacismoNoMetrôCampoLimpo no twitter.

Sobre Marcão Baixada

Rapper, compositor e produtor. Take Back the Mic’s Hip Hop World Champion (2015). Curador e host do projeto Hip Hop Conhecimento.

Além disso, veja

Brisa Flow leva show de lançamento do álbum “Selvagem Como o Vento” para Niterói

A cantora, rapper e multi-instrumentista Brisa Flow se apresenta pela primeira vez em Niterói. O …

2 comentários

  1. Realmente é terrivel esse tipo de atitude em pleno ano 2011. Temos sim, que nos unirmos para fazer que esse fato repercuta até chegar nas grandes mídias, pressão é o nome certo.

    A empresa de trem deve desligar esses funcionários racistas de seu quadro de funcionários, a justiça deve punir e nós não devemos ficar calados.

    Lembrem-se, juntos somos mais fortes!!!

  2. Nem sabem o que aconteceu no metrô direito e ja ficam julgando, vão procurar saber o que realmente aconteceu antes de falar qualquer coisa, fiquei sabendo que não foi racismo porra nenhuma, que a situação foi premeditada pelo Rapper para causar escândalos e aparecer na mídia, que o primeiro guarda que o abordou também ja foi rapper e é da raça negra, que o Will arranjou encrenca e faltou com respeito aos seguranças e com os demais passageiros que ali estavam, pois houve insultos palavrões e termos obscenos, no metrô existem regras e que se qualquer passageiro causar transtornos ele perde o direito de embarque. Fiquei sabendo também que as câmeras flagraram o rapper falando no celular pra la e pra ca com o braço que ele diz ter sido lesionado pelos guardas, que os primeiros médicos que o atendeu disseram não haver lesão alguma, ele procurou outro médico para fazer algum curativo, e que não havia racismo citado no boletim de ocorrência feito pelo Wil, ele inventou isso “depois” para mexer com a opinião pública, usando um assunto politico importante que é o racismo, apenas para ter IBOP, e população da periferia ta caindo no plano dele. Eu vi os videos e as musicas que essa cara faz e ele é uma pessoa muito sem talento faz essa algazarra toda mais logo logo vai cair no esquecimento.

Deixe um comentário

Paste your AdWords Remarketing code here