Secret: Novo app para fofoqueiros(as) está causando na internet

Apesar de eu ser um cara super antenado nas novas tecnologias, fiquei me sentindo mal quando ouvir falar, apenas ontem, dia 10 de agosto, do mais novo fenômeno da internet: o APP Secret.

Me senti mal porque o aplicativo foi lançado no Brasil em maio e até então eu nunca tinha ouvido falar nele. Mas se você leitor também nunca ouviu falar, isso me conforta e faz a minha coluna de hoje ter um pouco de sentido.

O Secret é um aplicativo gratuito para smartphones que traz como proposta que você “compartilhe com seus amigos, secretamente”, resumindo, permite que você faça fofoca sem ser identificado(a).

Confesso que já tenho meu perfil lá. Baixei ontem assim que ouvi um burburinho a respeito.

Instalei na máquina e comecei a ler as postagens.

Eram algumas coisas sem sentido, postei coisas sem sentido também, até que aprendi a ver as coisas que meus “amigos” virtuais mais próximos estavam postando. Aí é que o bicho pegou e eu entendi a gravidade desse APP. Tinha gente dizendo que “comeria” fulana de tal se ela desse mole, mas tinha gente que diz já ter comido e contando detalhes, mas o pior é que a galera postava a foto da mina, que por sua vez não tinha como identificar quem havia postado, afinal essa é a finalidade do aplicativo, garantir o anonimato.

Depois li coisas a respeito de pessoas ainda mais próximas, amigos de trampo, indiretas que eu imaginava quem havia escrito, até que li coisas a respeito do Movimento Enraizados, porém nada muito sério, mas o nosso nome já está circulando por lá.

A partir daí comecei a ler artigos sobre o APP para poder me situar melhor e li no site da revista Capricho (não vale zoar, é pesquisa) que o aplicativo não é tão seguro assim como todos pensam.

secret-app-whisper-social-network“Primeiro, porque você não está 100% protegido pelo anonimato. Em segundo lugar, de acordo com os termos de uso (que quase ninguém lê), o usuário é completamente responsável pelo que posta, sendo que a empresa Secret Inc. detém todos os seus dados e, caso alguém te denuncie por se sentir ofendido com a postagem, promete revelar rapidinho seu anonimato para Justiça. É preciso ficar ligado, principalmente porque alguns segredos podem acabar facilmente entregando a sua identidade.”

Tem gente destilando o seu veneno sem dó, se garantindo no tal anonimato. Tem gente brincando. Contudo tem uma galera pegando pesaaaaaaado, como foi o caso que trouxe como vítima o consultor de marketing Bruno Machado, de 25 anos, que descobriu que havia sido alvo de três dessas publicações, que traziam fotos dele nu, dizendo que ele era portador do vírus HIV e participava de orgias com seus amigos.

Seus advogados entraram com um ação civil na Justiça para bloquear o app no Brasil por acreditarem que ele viola a Constituição Federal, o Código de Defesa do Consumidor e o Marco Civil da Internet.

Então galera muito cuidado porque o que parece brincadeira hoje, pode causar muita dor em outras pessoas, e quem é o caçador, pode virar a caça.

Sobre Dudu de Morro Agudo

Rapper, escritor e empreendedor social. Um perito em transformar sonhos em realidade.

Além disso, veja

Passistas Dancy, de Minas Gerais, lançam clipe da música ‘Vamos Dançar’

Na semana passada estive em São Paulo para uma formação do Sebrae com o British …

Deixe um comentário

Paste your AdWords Remarketing code here