“Mundo na Mão” É o novo single da $IFRA, atração do Planeta Atlântida e Mix Beach Festival

Nesta quinta-feira (17), a $ifra divulgou “Mundo Na Mão”, música assinada pelos rappers Inóspitto, Rafa Saraiva e Maza. Com beat e produção de O Mago, a faixa faz parte da série de lançamentos 2019 do selo.

Gravadora independente de Esteio (RS), a $ifra está entre os principais representantes do rap do sul do Brasil.

Vale lembrar que os rappers da $ifra, depois de serem headliners do Rap In Cena, anunciam dois grandes shows. Os MCs estão confirmados para o Mix Beach Festival, promovido pela Rádio Mix Porto Alegre, que acontece dias 17 e 18 de janeiro, no Scooba, em Imbé, litoral gaúcho.

E a cereja do bolo: Inóspitto, Maza, Nando, Rafa Saraiva e Vescovi estão no line up do palco Beat, do Planeta Atlântida. Esta será a primeira vez que o stage, com curadoria do Rap In Cena, fará parte do maior festival do sul do país, e os MCs do Vale do Sinos já estão dentro dessa.

Ouça agora, “Mundo Na Mão”.

https://www.youtube.com/watch?v=MfaU9Yy3jcw

SOBRE A $IFRA

Idealizada por Bruno Wentz e Gabriel Vescovi, a gravadora independente de rap $ifra é de Esteio, Rio Grande do Sul. O selo lança músicas de artistas de rap comprometidos com sua ideologia. O casting atual é composto por Artur Tuts, Inóspitto, Kishimoto, Maza, Mura, Nando, Rafa Saraiva e Vescovi. Além disso, a $ifra tem parceria com nomes de todo o país como Pelé Milflows, MZ, CT, Leal, Raillow, NP Vocal, Denov e Maomé.

Sobre Instituto Enraizados

O Instituto Enraizados é uma organização de hip hop, nossa "rede" integra hoje 17 organizações que compartilham conhecimento, capacitação e articulação para militância cultural nas periferias dos grandes centros. Lutamos pelo acesso a produção, a expressão e a valorização das diferentes manifestações culturais, fortalecendo o ativismo cultural e o protagonismo juvenil. O hip hop, o audiovisual, as rádios comunitárias e a produção de mídias são elementos que formam e fortalecem a ajuda mútua dos jovens envolvidos.

Além disso, veja

GB Montsho: Reflexões sobre educação clandestina e formação política no RapLab

O texto apresenta a trajetória de Gabriel, também conhecido como GB Montsho, desde sua entrada no RapLab aos 15 anos de idade até os dias atuais, aos 23 anos. Morador de Nova Iguaçu e atualmente em Anchieta, GB é estudante de Letras na UFRRJ e ativo no movimento estudantil e movimento negro. Sua participação assídua no RapLab o tornou uma figura central na pesquisa do autor, destacando-se por sua contribuição e engajamento na cena do hip-hop. Através desta conversa, GB compartilha suas experiências, reflexões sobre temas como luta de classes, educação clandestina e a importância do RapLab como espaço de aprendizado e expressão.

Deixe um comentário