Álcool x Maconha – Lícito ou ilícito?

Dia desses um amigo no Facebook postou sua opinião a respeito da liberação da maconha…

“O álcool causa mais danos a sociedade, ao indivíduo e aos familiares e, é uma droga lícita. Não entendo porque não liberam a maconha.”

Quando li isso entrei em desespero. O que esse cidadão estava tentando me dizer? Concordo plenamente quanto aos efeitos do álcool na vida de dependentes.

O alcoolismo é seguramente o grande vilão no que diz respeito aos desmoronamentos afetivos entre familiares. Muitos são os filhos, as esposas e as mães que se vêem impotentes diante da devastação causada pela embriaguez.

Sem falar na esfera de alcance… No trânsito, nas baladas, no ciúme, na coragem desmedida, etc.

A partir do quanto uma coisa é pior para justificar a outra, me parece meio louco! Onde está o erro? No fato do álcool ser uma droga danosa e lícita ou na maconha ser uma droga menos danosa e ilícita? A discussão não deveria ser o que levou a liberação de uma substância tão prejudicial como o álcool? Imagino que os cervejeiros de plantão devam estar furiosos comigo, mas se acalmem. A indireta não é pra vocês, a não ser que queiram…

O papo aqui é com a “sociedade” que tolera tantos disparates. Aqui estamos assim: “Hollyood” era o sucesso e “Free “ questão de bom senso, mas hoje “É proibido fumar neste local Lei 9.294” e “Programas antitabagismo estão no Google”. Nos info-comerciais “Se beber não dirija” e “É proibida a venda de bebidas alcoólicas para menores de 18 anos Lei 14.592”.

Confuso, não acha?!

O que eu quero entender de fato é: até quando vamos ser manipulados e crédulos no que diz respeito à nossa ilusória independência? Será que não é óbvio que eles “liberam” o que bem entendem e depois é somente o depois? Levantem suas bandeiras, marchem por seus direitos, porque poucos são os que sabem que a beleza dos cavalos selvagens está na sua liberdade. Venha para onde está o sabor, venha para o mundo de “Marlboro” e não permita que “façam sua cabeça”.  Porque o gigante não está mais adormecido, a cerveja desce redonda e você continua sendo “Free”, por uma questão de bom senso.

#FicaDica, mas só se achar que é pra você…

 

Sobre Cristiane de Oliveira

Produtora Cultural, Head na Agência #TudoNosso, CupCake Designer na CupCake da Cris, mãe, mulher, escorpiana e absolutamente mutante nesse mundo de imperfeições.

Além disso, veja

Quanto vale o show?

Sexta feira (03/10), eu e marido embarcamos a trabalho rumo a "Terra da Garoa". Isso mesmo, a terra que, segundo as músicas, não tem amor. Embarcamos felizes e entusiasmados no Rio de Janeiro, com reservas para retorno no domingo, a tempo de irmos as Urnas cumprir nosso papel cidadão. Até aí tudo bem...

01 comentário

  1. Que matéria tão inútil.
    Perdi meu tempo lendo isso.

Deixe um comentário

Paste your AdWords Remarketing code here